fbpx

Memória humana gera competição no cérebro, diz estudo

É sempre um desafio se lembrar de uma nova senha para o computador, quando a antiga expirou, ou memorizar um novo número de telefone. Isso ocorre porque o cérebro cria uma “competição” entre recordar os dados antigos e os novos que estão vinculados à mesma coisa, relatam pesquisadores de Yale e Stanford na última edição de The Proceedings of the National Academy of Sciences.


Brice Kuhl, psicólogo de Yale, e colegas descobriram que, quando o cérebro está cheio de eventos similares, a dificuldade de se lembrar de apenas um deles é visível por meio de uma tecnologia de mapeamento cerebral ¿ conhecida como imagem funcional por ressonância magnética.


No estudo, os pesquisadores distribuíram aos participantes palavras que podiam ser associadas, ao mesmo tempo, por rosto e por cena. Quando executaram o mapeamento e pediram que os participantes se lembrassem da associação que haviam visto mais recentemente, o sangue fluiu nas partes do cérebro que são acostumadas a recordar rostos e cenas. A maioria das pessoas encontra regularmente essa competição.


“Estaciono na garagem do trabalho diariamente e a cada dia paro numa vaga diferente, dependendo da disponibilidade”, disse Kuhl. “Muitas vezes, caminho para a vaga onde havia estacionado no dia anterior. Não é como se eu tivesse esquecido completamente onde estacionei hoje; acontece que eu ainda me lembro da vaga de ontem”.

Deixe um comentário